Tribal Rock

por Maria Badulaques



TRIBAL ROCK, baby!!!

Evento organizado pelo Stúdio Fallahi Belly Dance, no último dia 29 de março, sob a direção da impagável Beth Fallahi.

Como nome já sugere tudo "xerava", inspirava e seduzia os expectadores ao som de muiiito rock nas veias do pulsante. Um gala espetacular composto por todos que se dispuseram a comparecer ao Terraço (Vinhedo-SP), assim foi nosso encontro tribalizado.

Vimos fusões, bellydance fusionado, tribal fusion, ATS®, corações acelerados e os solos de guitarra em dueto com os dançarinos. Falando em solo, o que era aqueles snujões assinados por Jamila Salimpour?! Uau, som nababesco, estilo 5 snujs em um só!!!




Minha sensação enquanto dançarina e resenhista é que se cumpriu o objetivo de qualquer evento tribal:a aclamada conexão, camaradagem e felicidade em rever os amigos. Técnica, dança...sua criação, deve (lógico) estar presente, mas o que nos une e deve ser a grande motivação é o sentimento de tribo (lililililililiiiiiii); e ele estava lá. O mais interessante é que passamos uns dias com a sensação de bem estar reverberando no corpo e isso nos alimenta e nutre até o próximo reencontro.

Vi algumas apresentações ao vivo e outras só pude ver quando liberados os vídeo. Congratulo a todos pela participação, afinal, dar a cara-a-tapa é sempre coisa "pra macho" (expressão da nossa querida Fallahi Sênior :) ); e a nós, expectadores cabe aplaudir a irmã em cena, felicitá-la e lembrar que a dança é arte em movimento (Isadora Duncan). Você não precisa gostar de tudo que vê, mas respeitar e parabenizar é de lei. 




Enquanto tudo rolava, meu pensamento ficava a mil. A dança me move e, como também danço, fico a mil e um por hora, afinal quero ver, quero dançar, ter que controlar a ansiedade e eis que vejo uma Beth de bigode surgindo...Pronto, sorri alto (lembrei que precisamos sorrir mais na dança :) SEMPRE)! E isso Beth arrancou de nós, muitos sorrisos leves, soltos, animados e sincronizados com seus snujãos-jamila-salimpour, pois assim a senti. Ser bem recebido onde vamos, sentir que somos especiais e que nossa presença faz diferença. Essa é a fórmula com que fomos recebidos no eventos dos Fallahi, eu os reverencio por isso. _/I\_

A noite de puro rock reuniu Marcelo Justino (Jundiaí-SP) em solo ao som de música composta por Bruno Fallahi (que chiiiiic) e em trio com suas alunas, Eneide e Tatiana;  Dalila Galchin (Vinhedo-SP) do Estúdio Fallahi; Kcall Fallahi em solo e dueto com Mariana; Paula Fallhahi; Beth Fallahi em solo e dueto com Viviane; eu, Maria Badulaques e Heli Luiza da Trupe Gira Ballo (Indaiatuba-SP); Melissa do Melissa Belly Dance; Tati Araújo (SP); Esther e Laila em dueto; Nanda Nayad, Julia, Telma, Paloma e Andrea em grupo; Juliet, Alessandra e Bruna em trio; Doolunay Mooinaa; Karina Christmas e Tata Correa (SP) em dueto. Aquele abraço apertado, seguido de xero gostoso de até breve!!! Parabenizo todos presentes!!! E aos ausentes, em outubro tem mais...




Agora, a conversa de bastidor com Paula e Kcall sobre figurino precisa ser publicada; ri de rachar: 

- Então, que figurino lindo é esse Kcall! (eu)
- É tribal-reciclado (Kcall)
- Oi? (eu)
- Que gastar dinheiro o que! Peguei a cortina de casa! (Kcall)
- Olhei pra Paula e pensei que ela pegou o centro de mesa (a Paula é um chaveirinho)

Bem... vamo que vamo! Pensando na próxima peça da casa que vai virar objeto de figurino....Já tô de olho na colcha de crochê que veste minha chaise long. U-huuuuuuuuuu!!!!


A Saia


E a saia? Noooosssaaaa, Beth sabe mesmo gerar expectativa! Houve o sorteio de uma saia de ATS® by Ateliê Fallahi.  Espadas foram postas à mesa, ameças abertas e veladas a quem seria destinada tal bela peça de vestuário, unidas pelo espírito da individualidade, fomos informadas que a União faz o açúcar e nisto mesmo com juras de macumba, peixeiras, etc...a saia foi para Viviane do Estúdio Fallahi. Sei não hein, acho que o garçom pegou uma carta marcada. Dalila e eu saímos na certeza do dever cumprido: intimidar a concorrência. kkkkk E que venha o próximo evento com muito humor, diversão e a dança coroando tudo. 


Por mais eventos como o Tribal Rock, por um tribal com espírito de Tribo!!!

Destaco ainda a equipe técnica que nos presenteou com fotos e filmagens gratuitas, genial. Agradeço, agradeço, agradeço:

Equipe técnica composta por Gustavo Cenaque e Bruno Fallahi.
Fotos de Fernando Baesso e Gustavo Cenaque.
Filmagem: Beth Fallahi.

*Vídeos do evento você encontra no You Tube, Tribal Rock 2015, aqui segue alguns:





Super xeros no pulsante, vamo que vamo
Maria Badulaques.

Fotos do evento:


































Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...