Resenhando Região Nordeste por Sarah Raquel (CE)

Coordenação Região Nordeste:



Iniciou os estudos em danças orientais com a dança do ventre e logo se redescobriu na vertente "metal bellydance", para melhor se expressar dentro desse estilo buscou estudar tribal fusion e o dark fusion. Realizou workshop com Gilmara Cruz (SC) e Honora Haeresis (CE), que foram de fundamental importância para o direcionamento da dança. Teve como professoras de maior duração Mel Rayzel e Alinne Madelon, também realizou o Curso de Formação em Tribal Fusion com Joline Andrade em 2016. Participou de duas edições do Caravana Tribal Nordeste, sendo um deles edição especial de Tribal Brasil. Colaborou como intérprete criadora nas Cias Lunith e Antique Soul, ambas do Ceará. 


Realizou alguns workshops sobre dança Balkan com Joline Andrade (BA), Ghawaze com Carol Louro (SP), Indiana com Kilma Farias (PB) e entre outras. Recentemente encontra-se estudando novas possibilidades em sua dança, sendo de rotina trabalhar com criatividade, uma eterna estudante dessa dança.





Colunistas convidadas anteriores:

Gilmara Cruz (SP):

Professora, Coreógrafa e pesquisadora Gilmara Cruz, de nome artístico Gil Sekhmet, é Graduada em História pela Universidade do Estado da Bahia, mestranda em História na UFS e Qualificada em Dança pela FUNCEB. Admiradora da arte da Dança do Ventre desde 2001, começou a tentar executar os primeiros passos a partir da novela O Clone. Em 2003 apareceu em sua cidade, um curso de Dança do Ventre ministrado pela bailarina Karine Fitness. Estava traçado então um belo destino desse rito mágico em sua vida. Em 2006 começa a ensinar o básico aprendido como voluntária em uma escola onde se formou.    

Passou a dar aulas também particulares na cidade de Santo Antônio de Jesus, onde morou cerca de dois anos. Em 2009 de volta a Alagoinhas, foi monitora voluntária de Dança do Ventre no Curso de Extensão Cultura Corporal do curso de Educação Física da UNEB – campus II.

No ano de sua conclusão da graduação em História (2012), ministrou uma oficina intitulada” A Dança do Ventre e sua História” na II Semana de História da UNEB-campus II. Desde então foi se especializando, participou do curso de Formação de professores em Dança ministrado por Estela Serrano e Fátima Suarez. Participou também de diversos workshops no Baladi Congress (Salvador-Ba) e no Bailaris (Feira de Santana) com Bela Saffe, Joline Andrade, Fernanda Guerreiro, Lulu From Brasil, Monah Souad, Márcio Mansur, Letícia Soares, Kahina, Allana Alflen, Esmeralda Colabone, Ju Marconato, Janah Ferreira e Catarina Hora, Tarik e Sundari (Croácia).Em dezembro de 2012 participou dos workshops do Oriental Fair realizado na cidade de Feira de Santana-Bahia, com Gabriela Miranda, Cibelle Souza, Paula Braz (Cia Shaman).

Escreveu o artigo “A aura e autenticidade da Dança Tribal” apresentado a disciplina “Cultura Popular e de Massa” no curso de mestrado em Crítica Cultural da UNEB-campus II em 2013.

No início de 2013 formou o grupo “Ventre de Ísis” com intuito de reunir suas alunas para fazer apresentações temáticas.






Priscila Sodré (BA):



DRT n° 4012 e n° 0298.

Dançarina e produtora. Graduanda do curso de Comunicação Social com Habilitação em Produção Cultural pela Universidade Federal da Bahia - UFBA e aluna do Curso de Educação Profissional em Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia – FUNCEB, atua no cenário artístico desde 2007.

É professora de dança tribal no Studio Dakinis em Salvador, produtora e dançarina dos espetáculos Cabaré do Riso e O Palhaço e a Bailarina, direção Demian Reis. Experimenta interfaces entre o tribal fusion e malabarismo com leques de fogo.

Sua formação e experiências como artista se desenham de maneira híbrida, passando por cursos e apresentações em espetáculos de teatro, circo, performance e dança.  

No universo da dança do ventre e tribal, teve aulas com dançarinas do Brasil e de fora, entre elas Sharon Kihara (EUA), Sundari (Croácia), Hilde Cannoodt (UK), Kilma Farias (PB), Rebeca Piñeiro (SP), Bela Saffe, Gal Sarkis, Joline Andrade (BA), por meio de aulas regulares, workshops e cursos de formação de nível intermediário.

Dançou em eventos como Dramofone 2° e 3° edições, Tribal In Nature 2014, EtnoTribes Festival (Pocket Show e Show de Gala), IV Festival Campo das Tribos (SP), Tribal Remix 2015, Mostra Casa Aberta do Festival Vivadança 2014 e 2015, shows da Banda Desrroche (BA), Solstício das Deusas (SE), Festival Bailares10° Festival Viva teatro, viva o circo! – SESC-BA, 11° Festival Internacional de Artistas de Rua da Bahia, Temporada Verão Cênico 2014 – FUNCEB, 1° Festival Pólo Teatral, 10° Festival Anjos do Picadeiro (RJ). Também no espetáculo Dragões de Xangô e no picadeiro dos circos Spacial (SP), Dallas, Barcelona, Picolino e do Capão (BA).

Como produtora, trabalhou por 04 anos na administração do Teatro Gamboa Nova, realizou a produção executiva dos projetos EtnoTribes Festival 2014IX ENECULT, circulação nacional dos espetáculos "Casa de Ferro" e "Redemoinho" do Grupo Estado Dramático. Captou recursos para a realização de lançamentos pelo Brasil do livro Caçadores de Risos – o maravilhoso mundo da palhaçaria, autor Demian Reis, também para os espetáculos Cabaré do Riso e O Palhaço e a Bailarina.

Dando continuidade à sua formação no estilo Tribal, no presente momento está em Buenos Aires - Argentina, onde participará do Opa!Fest 2015, dançando no Open Stage Hafla e estudando com professoras do Brasil, Argentina, Espanha e com Ashley Lopez, dos Estados Unidos.



Artigos:
                

Clique no link desejado do menu acima para acessar os posts


Siga esta coluna no Pinterest:

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...